Vai vai vai, que descanse em paz Meu Pai que tenha honra e conforto ao lado de Deus, sei que suas dores agora acabaram....

Publicado por Jackson Lima em Domingo, 3 de janeiro de 2016

Seguir Por Email

Translate

quinta-feira, outubro 31, 2013

Nagra 4, seu receptor suportará? Quando será implantado? Confira

Postagem original de: http://svip.ch/19evR58


Nagra 4, seu receptor suportará? Quando será implantado? Confira



Semana passada  consultamos  em algumas empresas que trabalham diretamente com telecomunicações por satélite e acesso à manutenção e mudanças que ocorrem nos principais satélites sul-americanos. Consultamos "los Treatement"   empresas que trabalham com satélite de Telecomunicações  e para Manutenção e Mudanças que ocorrerá principalmente nos satélites sul-americanos.
Infelizmente, temos  pouca Informação de que testes estão sendo feitos com codificação ODS Nagra 4  novo sistema do Amazonas 3 satélite, que operou comercialmente desde abril.
A expectativa é de que vão começar a operar em N4 o satélite Amazonas 3, as transmissões de TV a cabo operadoras Vivo, Oi TV e Movistar. Uma expectativa que temos que as operações vão começar no satélite Amazonas ou 3, como TV Out Transmissões de operadoras Vivo, Oi TV e  Movistar continuará em  Nagra 3.

A MUDANÇA NAS CHAVES

A mudança de codificação Nagra 4 "chaves" mais frequentemente, tem uma espécie de confirmação da criptografia validado e dinâmico com o cartão que está no receptor com as teclas enviados pelo operador de cabo, multiplicando exponencialmente a necessidade para o processamento desta informação, quer dizer, uma criptografia muito forte requer receptores mais rápidos. A mudança de codificação Nagra 4 "Chaves" Mais freqüentemente, e TEM UMA ESPÉCIE da Confirmação de validação com criptografia e Cartão dinâmico multiplicando exponencialmente o Processamento.
O que acontece quando você instala o Windows 7 em uma máquina antiga com apenas 512mb de RAM?
Vamos fazer algumas suposições sobre o que essa mudança poderia trazer no satélite:
O satélite Amazonas 3 vem com uma nova geração de tecnologia de transmissão de dados, com melhor tratamento no processamento de dados e preparados para um maior fluxo de dados através de 9 Ka-band transponders.
Com a tecnologia renovada satélite Amazonas 3 está pronto para trabalhar em Nagra 4, quanto as operadoras ainda não temos informações se os receptores de operadoras de televisão por satélite estão preparados para receber tais criptografia.

A MUDANÇA DAS OPERADORAS

A maioria das operadoras de TV a cabo e receptores de satélite começou a operar com qualidade muito baixa, então espera-se que eles não suportam a codificação Nagra 4, portanto, um dos primeiros sinais do sistema de migração é que vai mudar os receptores, para novos receptores mas rápidos no processamento e que podem trabalhar com codificação Nagra 4.
Alguns dos mais recentes modelos de receptores HD para algumas operadoras estão prontos para Nagra 4 e a codificação  ocorreu antes de implementar o Nagra 3, os pacotes Premium seriam os primeiros a migrarem para Nagra 4.

A MUDANÇA DAS CAIXAS PIRATAS

Para essa migração de nagra 3 para nagra 4  não deverá derrubar receptores piratas de um dia para o outro, a mudança poderia ocorrer em apenas pouco mais de três meses, a partir do momento em que as operadoras que optarem por fazê-lo. Embora nem todos os receptores piratas estão preparados para trabalhar com a codificação Nagra 4, pode ser o caso de receptores com sintonizador duplo dois tunners serão mais afetados, mas já temos notícias de novos sistemas para aproveitar esses mesmos receptores, a implementação de um novo tipo de um poderoso dongle para ser apresentado ao mercado em tempo hábil.  Este novo dongle terá capacidade de processamento 10 vezes maior do que os atuais, e por isso irá trabalhar a uma temperatura favorável, e não irá aquecer o processador do receptor, ainda não temos informações e detalhes como, marca, compatibilidade e preço.
Nós estamos investigando como esses novos dongles irão trabalhar para o futuro e que podemos dar aos nossos leitores uma forma mais consistente de informação, mas, ainda não podemos apurar isto. Nenhuma empresa ainda se pronunciou. Qualquer informação nova será postado aqui.
Devemos lembrar que a primeira região onde a migração ocorrerá é o Brasil, tanto pelo número de assinantes de TV por assinatura e do volume movimentado economicamente